Desabafando

Eu acreditei em nossos sonhos, Eu respirei todos eles até perder o ar. Eu fui e quis ser o mais que podia Ser. Sofri pelo seu sofrimento, quis mudar o mundo para você Se aceitar. botei fogo no nosso quarto, na nossa cama, para você sem mais porquês, me abandonar. suas desculpas esfarrapadas, não tem desculpa. Você e sua contradição inerente acabaram por me maltratar.

.
e nesse seu descaso, eu creio que não tem como mais te abraçar e dizer que ainda Te amo, e que estou aqui de novo pra amar todos seus defeitos e olhar nos seus olhos e dizer que nosso amor ainda tem jeito.

não dá mais pra acreditar. não dá mais. Eu não tenho mais vontade para sustentar esse amor, que está correndo pelo ralo do banheiro, assim como minhas infinitas lágrimas, que teimaram por cair por todo esse tempo. não precisa dizer: a culpa é Minha. Eu sei Assumir meus erros, e o meu maior erro foi Te dar todo e o maior e sincero zelo.

...

3 comentários:

O Menino que Voa disse...

WOW!!!! To passado! AMEI!

A viajante disse...

Paixão acaba. Fogo acaba. Daí vem a serenidade que a razão abarca e encaramos a idiota e cega ilusão de frente. Renato Russo adorava dizer que 'e quem um dia irá dizer, que existe razão nas coisas feitas pelo coração, e quem irá dizer que não existe razão?"
O desabafo foi uma catarse? então viva a nova etapa da sua VIDA! E mais outros amores e novas paixões...

Eric Felipe disse...

Digníssimo!
Estou sem palavras. Adorei demais e me identifiquei muito com o post.
Parabéns, Letícia!