Maestro Zezinho, qual é a música?


"Agora vou mudar minha conduta, eu vou pra luta, pois eu quero me aprumar. Pois esta vida não está sopa e eu pergunto: com que roupa? Com que roupa que eu vou pro samba que você me convidou? Agora, eu não ando mais fagueiro, pois o dinheiro não é fácil de ganhar. Mesmo eu sendo um cabra trapaceiro, não consigo ter nem pra gastar. Eu já corri de vento em popa, mas agora com que roupa? Com que roupa que eu vou pro samba que você me convidou? Eu hoje estou pulando como sapo, pra ver se escapo desta praga de urubu. Já estou coberto de farrapo, eu vou acabar ficando nu. Meu paletó virou estopa e eu nem sei mais com que roupa. Com que roupa que eu vou pro samba que você me convidou?"


Aline passou lá em casa ontem de noite. Anunciou na portaria e demorou a chegar.

Ela apertou o andar, ficou lendo o comunicado no elevador sobre desperdício de água no planeta, saltou, virou a esquerda e TEEMMMMMMM, TEEEEMMMMMMMM, TEEEEMMMMM, TEEEMMMMMMMM. Apertou a campanhia com vontade e alegria.

Não satisfeita pela felicidade em me ver, batucou na porta cantando:
EU VOU MUDAR MINHA CONDUUUTA...
(Quem sabe lembrando de Noel Rosa ou de seu ex-namorado que é meu professor de percussão)

Ficou esperando eu abrir e ainda batucava sem cantar, só pra fazer barulho mesmo.

E ai ouviu do outro lado da porta:
- QUEM ÉEEE?

Um QUEM É bem masculino entre assustado e com raiva.

Ela ficou parada com os olhos arregalados diante da porta, na dúvida se esperava abrir ou corria logo. Pensou, em segundos, que se fizesse isso, o homem ia ver de costas uma gordinha correndo pelo corredor.

Se afastou da porta fechada e falou:
- Mooooço, desculpe, moooço, me enganei de porta. Desculpe, viu, desculpe..... ai meu Deus, isso só acontece comigo.

Ela errou o andar. Apertou o 9º no lugar do 6º.

Chegou lá em casa se acabando de rir sem conseguir contar direito essa história.

Tomara que ela não mude nunca sua conduta.

2 comentários:

Joana disse...

que figura!!

camila disse...

rapaz, quanta história engraçada... fiz verdadeiras abdominais de rir.(mais um bom motivo pra tornar esse canto aqui leitura assídua)